… cansado …

Publicado: julho 16, 2010 em Diversos

Quem sou eu, pra onde eu estou indo?
Porque a duvida é recorrente e me corrói?
Quando eu acho já devia saber todas as respostas?

Qual o propósito de eu ainda não entender?
A pergunta sempre sem nenhum sentido
Quase abala minha fé, quase abala o que eu creio

Olhar para as nuvens e ver sempre tudo cinza
me traz um certo conforto crer que é eterno
o sentido de que eu ainda não encontrei 
o sentido de que nem procurei o que preciso

Mesmo sem forças, mesmo sem meu ego
Meio que aniquilado por mim mesmo
Minimizo meu desespero esvaziando meu espirito
Menos de mim é mais espaço para o propósito

Quão longe eu estou de encontrar o sentido
Tão certo que ainda busco a tua presença
A chuva sempre o alivio frio e denso
De que as suas palavras sempre vou ouvir aqui

A minha busca não parece com o que eu mostro ser
E a minha identidade esta meio escondida lá no fundo
Eu quero ser o que eu não sou hoje e isso é estranho
Porque o que eu quero ser é parecido com Você 

Graça e Paz

Murilo

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s