O Senhor do Tempo

Publicado: outubro 7, 2011 em Evangelho, Textos

Essa semana me peguei divagando sobre um momento da vida de Jesus. Muitas coisas são absurdamente sobrenaturais na existência dEle aqui na terra, mas uma em si sempre me faz ficar pensando no quanto Jesus é poderoso e indescritivelmente divino.

Na passagem de Mateus 14 a partir do versículo 23, vemos a história de Cristo mandando que os discípulos entrassem no barco, e atravessassem o mar da Galileia, enquanto Ele ficaria se despedindo da multidão. Fico pensando que realmente os discípulos não tinham noção alguma do que esperar de Jesus, porque a lógica seria algum deles indagar a Cristo perguntando “Mestre como o senhor vai fazer para atravessar o mar?”. Nisso eu vejo um misto de fé, de duvida, de vergonha…, é complicado tentar entender os sentimentos que poderiam habitar aqueles homens que receberam a ordem de deixar Cristo pra traz e atravessarem o mar.

Por outro lado vejo Cristo administrando bem o seu tempo, porque Ele precisaria dos discípulos do outro lado do mar da Galileia quando chega-se lá, e sabia o quanto demoraria para eles passarem para a outra margem, então os ordenou que fossem antes, pois Ele ainda tinha que se despedir da multidão.

É maravilhoso pensar que Cristo não tinha problema em cumprir seus horários e que tudo era pré-agendado no Seu dia a dia.

Os discípulos foram para o mar e Jesus ficou naquela margem, depois de se despedir das pessoas, Jesus subiu um monte e foi orar sozinho, isso esta escrito na sequência do texto. Por volta da quarta vigília da noite, os discípulos estavam envolvidos numa pesada tempestade, sendo açoitado por ondas fortíssimas, no meio de um vento intenso em alto mar. De repente eles avistam um vulto andando sobre a água, agora pense você: Será que Jesus tinha mesmo a ideia de parar para para pegar uma carona com discípulos?

Os discípulos saíram da presença de Jesus para o mar, de 6 a 8 horas antes daquele momento, tempo o suficiente para Jesus se despedir da multidão e ainda ir orar e como um passe de mágica eles avistam Jesus andando sobre o mar. Na minha cabeça era bem provável que Jesus desejava chegar antes deles do outro lado do mar, quase que pregando uma peça nesses homens.

O que acontece depois nós já sabemos, Jesus chama Pedro para ir ter com Ele sobre as aguas, Pedro anda sobre as águas, Jesus o resgata no momento em que Pedro passa a afundar no mar e acalma a tempestade…

A minha ideia ao escrever esse texto é quase que um devaneio sobre o que poderia ter acontecido nesse momento se não tivesse ocorrido o fato dos homens avistarem Jesus e Ele ter subido ao barco. Jesus teria atravessado o mar a pé e numa velocidade muito maior que a de um barco tripulado por marinheiros com experiência dos anos. Eles teriam encontrado Jesus na outra margem e talvez ficariam com a incógnita de como Jesus teria chego ali antes deles, mesmo tendo saindo depois. Jesus era especialista em administrar com qualidade seu tempo, afinal de contas seu ministério aqui na terra tinha um prazo para acontecer e Ele tinha ciência disso.

Imagino que coisas assim não tenham acontecido só nessa vez na vida de Cristo aqui na terra, talvez elas não foram contadas por falta de entendimento do milagre que Jesus executava ao optimizar a sua existência humana.

Que possamos fazer do nosso tempo um milagre optimizado de rendimento nesses últimos dias que passam tão rápido, Jesus foi o mestre nisso e é mais uma lição miraculosa que temos de aprender com Ele.

Que nosso tempo seja todo dedicado em louvor, adoração e trabalho para o Reino de Deus, conscientes de que o tempo que perdemos no passado fazendo coisas inúteis serão restituídos por Deus a partir do momento em que entregarmos nossos dias ao Senhor.

“E restituir-vos-ei os anos que comeu o gafanhoto…” Joel 2:25

Que o nosso tempo seja um milagre sobre a terra!
Graça & Paz

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s