Apotegmas – Part 5 – Fim

Publicado: fevereiro 9, 2012 em Diversos, Evangelho, Textos

Não foi proposital deixar essas ultimas frases pra encerrar esses textos, mas de uma certa forma elas dão um belo fim, uma reflexão sobre todas as grandes coisas que como cristãos devemos exercer:

“Uma coisa eu almejo em meu coração: a amizade com Deus e também com os meus semelhantes.”

Já dizia o poeta “não existe nada melhor do que ser amigo de Deus”, devemos aprender que quando cultivamos uma amizade verdadeira com Deus passamos a ser melhores amigos dos homens também, não porque nos tornamos pessoas melhores, mas sim porque aprendemos que diante de Deus não somos nada e tal como todos os outros homens somos iguais, singulares perante o Pai, mas iguais participantes da graça maravilhosa que nos mantém em vida.

“O olhar de Cristo sempre contempla os pequenos e os humildes, é entre eles que eu quero estar.”

É muito bom perceber Jesus, nosso exemplo maior, sentado junto aos doentes, aos beberrões, aos festeiros, aqueles que são julgados a margem da sociedade padrão. Jesus andava com esses, melhor, Jesus amava a cada um desses e conseguia visualizar o poder da sua presença contagiante mudando o cativeiro do mundo que agia sobre essas vidas em total liberdade e alegria de servir um amigo eterno, com o coração singelo e puro. É como esses que eu quero ser e com esses que eu quero estar.

“Somos todos chamados a ser profetas para resistir o mal e à injustiça.”

Fico feliz com essa frase ser a ultima, pois reflete o maior mandamento de Cristo à nós, o chamado ao ide, “ide e pregai o evangelho a toda criatura” – nosso chamado, nosso legado é resistir o mal, embaixadores e referenciais do bem que não tem paralelos com o mal, soberanamente o bem em Cristo é maior que o mal. Nossa justiça galgada na graça libertadora do Pai deve ser praticada a toda prova e santidade, só assim seremos chamados profetas, não que essa deva ser nossa busca, nossa busca é sermos somente amigos proclamadores do amor de Deus.

“E tudo quanto pedires em meu nome eu o farei, para que o Pai seja glorificado no Filho.” – João 14:13

Graça & Paz

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s