Vocação Falha!

Publicado: janeiro 13, 2014 em Evangelho, Textos

Image

Prefiro que minhas falhas sejam tentativas verdadeiras de acerto, do que viver uma vida de mentira e me apresentar como alguém que esta acima dos erros humanos.” – Murilo Scarpellini

“E disse-me: A minha graça te basta, porque o meu poder se aperfeiçoa na fraqueza. De boa vontade, pois, me gloriarei nas minhas fraquezas, para que em mim habite o poder de Cristo.

Por isso sinto prazer nas fraquezas, nas injúrias, nas necessidades, nas perseguições, nas angústias por amor de Cristo. Porque quando estou fraco então sou forte.” – 2 Coríntios 12.9-10

A cada dia que passo vou ficando mais triste em ver pessoas, dia após dia, se maquiando em uma existência de uma falsa perfeição. Gente que se coloca num involucro de beleza intocável, se tornam inatingíveis, sem falhas e sem maculas, pessoas que não podem ser imitadas, pois são perfeitas demais para os padrões de pobres e falhos humanos mortais.

A Bíblia nos diz que só alcançaríamos a perfeição lá no céu, quando então vislumbrarmos a estatura de varão perfeito (Efésios 4.13)  e é nisso que eu me atento a crer para a minha pobre e fraca existência. Não quero através dessas palavras justificar uma vida de falhas e quedas continuas, pois a vida cristã, que aprendi, deve ser uma busca constante do crescimento em sabedoria e conhecimento para que a partir disso não venhamos mais repetir os nossos erros e falhas de outrora.

“… mas, onde o pecado abundou, superabundou a graça;” – Romanos 5.20b

O que quero pensar é que nessa busca alucinante pela perfeição as pessoas procuram fazer isso para que os outros vejam e as vangloriem, não se trata de uma pratica real de existência e estilo de vida, pois no secreto essas mesmas pessoas se pegam em seus pecados escondidos e suas dolorosas duvidas tipicas da existência humana.

A Bíblia nos mostra que há esperança na fraqueza, porque é na fraqueza que encontramos a graça soberana de Cristo. A partir disso encontramos força. Nós só poderemos encontrar e viver essa força quando nos arrependermos e aceitarmos que somos pecadores, que temos fraquezas e imperfeições e assumirmos o quanto precisamos de Cristo. O grande desafio da identidade cristã não esta em se arrepender dos pecados e sim na consciência que podemos ser salvos independente das nossas duvidas e falhas. A palavra diz que Cristo veio para os fracos (1 Coríntios 9.22), para os que realmente necessitam de misericórdia, os que sabem que são dependentes de graça, aqueles que aprenderam a perdoar pois estes necessitam de perdão, aos que aprenderam a ajudar pois precisam de ajuda.

Pessoas perfeitas não tem lugar no Reino, pois ser Santo no âmbito humano não quer dizer que você de uma hora pra outra se tornara imaculado e milagreiro, alguém que não erra ou se precipita, quer dizer que você é separado, exclusivo, propriedade de Deus! Uma pessoa separada não é um qualquer, uma pessoa separada é consagrada para Deus e por Deus, tendo então uma vocação dedicada e definida, mesmo sendo comum e parecida com os outros a sua volta.

Cristo era assim, e ele não se separava dos humanos e de suas falhas, ele era conhecido como amigo dos pecadores (Mateus 11.19). Interessante perceber também que os grandes heróis da fé dos quais temos registro eram antes de tudo humanos, com falhas, com duvidas e com fraquezas, homens como Paulo, Pedro, Jacó, Abraão, Moisés, José, Josué, Sansão, Gideão, Daniel.. e tantos outros que por graça encontraram força suprema em Deus e realizaram fatos que são lembrados até hoje como operações maravilhosas de fé e dependência em Deus.

Sem medo de dizer: “Quero ser encontrado entre os pecadores e falhos, quero ser reconhecido como um vocacionado, não como um perfeito, a justificação vem do céu e não esta ao controle das minhas mãos”.

“… e vereis a diferença entre os que servem e os que não servem a Deus!” – Malaquias 3.18

Graça & Paz

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s